UTILIZE O CUPOM
PRIMEIRACOMPRA
GANHE 5% DE DESCONTO E 5% DE CRÉDITO EM TODAS AS COMPRAS.
CUPOM
PRIMEIRACOMPRA
5% OFF + 5% DE CRÉDITO.

Escolha seus produtos para saúde
Foto de um homem sentado em frente ao notebook enquanto demonstra algum tipo de desconforto físico, com as mãos no rosto.


A COVID pode ser crônica e exigir medicamentos anti-inflamatórios: Um estudo


Novas evidências sugerem que pacientes com COVID sofrem uma inflamação desenfrada que envolve todo o corpo - e que melhorar essa inflamação pode ser a chave para salvar suas vidas.


A inflamação sistêmica grave durante a internação por COVID aumenta o risco de óbito dentro de um ano após o paciente aparentemente se recuperar, descobriram pesquisadores da Universidade da Flórida. Nesse sentido, quanto mais forte for a inflamação da pessoa durante sua hospitalização para a COVID, maior a probabilidade de óbito dentro de um ano após a recuperação da infecção inicial, os pesquisadores relatam na revista Frontiers in Medicine.


Além disso, os pacientes que receberam tratamento com esteróides anti-inflamatórios tinham um risco menor de morte após a alta do que aqueles que não receberam os mesmos medicamentos, disseram os pesquisadores, embora isso continue sendo uma ideia controversa.


"A COVID afeta vários sistemas de órgãos com inflamação", disse o pesquisador principal Arch Mainous, vice-presidente de pesquisa do Departamento de Saúde Comunitária e Medicina Familiar da Universidade da Flórida. "Nossos dados são definitivamente sugestivos de que talvez valha a pena tratar as pessoas com algum tipo de anti-inflamatório depois que elas deixam o hospital."


Esta nova pesquisa dá seguimento a um estudo da UF do final do ano passado, que constatou que as pessoas que se recuperaram da COVID severa tinham mais do dobro da probabilidade de morrer no ano seguinte de qualquer causa, em comparação com pessoas com COVID leve a moderada que não foram hospitalizadas ou pessoas nunca infectadas, disse Mainous.


"Então, a pergunta que surgiu foi: por que isso?". Mainous disse. "Por que isso acontece?"


Para encontrar uma resposta, Mainous e seus colegas rastrearam mais de 1.200 pacientes da COVID tratados na UF para a COVID-19 entre janeiro de 2020 e dezembro de 2021, para ver como eles se saíram durante o ano seguinte à sua recuperação.


A equipe de pesquisa examinou especificamente os níveis de proteína C reativa (PCR) de cada paciente, uma enzima secretada pelo fígado como parte da resposta imunológica. A CRP é uma medida comum de inflamação sistêmica.


Eles também verificaram se o paciente tinha recebido esteróides orais quando recebeu alta do hospital.


Pacientes hospitalizados com COVID-19 com os mais altos níveis de inflamação durante sua infecção tinham cerca de 60% mais probabilidade de morrer dentro de um ano após a alta, em comparação com os pacientes COVID com menos inflamação, os pesquisadores encontraram.


Além disso, o risco de morte dos pacientes COVID-19 com altos níveis de inflamação caiu cerca de 50% se lhes fosse prescrito esteróides anti-inflamatórios após sua hospitalização.


Mainous disse que esta inflamação sistêmica explica por que a longa COVID produz tantos problemas de saúde diferentes nas pessoas.


"É por isso que algumas pessoas têm problemas cognitivos, enquanto outras não conseguem sentir cheiros e outras têm problemas renais ou acidentes vasculares cerebrais", disse Mainous. "A inflamação sistêmica geral severa está atingindo pessoas diferentes de maneiras diferentes. A COVID parece estar atingindo muitas coisas de uma só vez. Essa é uma razão pela qual, quando começamos a olhar para a COVID, muitas coisas parecem completamente sem relação".


No entanto, Mainous disse que é muito cedo para dizer se os pacientes recuperados da COVID devem ser colocados em tratamentos com medicamentos anti-inflamatórios a longo prazo. Este foi apenas um estudo observacional, não um ensaio clínico testando especificamente como os medicamentos anti-inflamatórios poderiam ajudar.


"Não estou sugerindo que as pessoas sejam colocadas em esteróides ou que vão para casa e desçam um frasco de Advil", disse Mainous. "Estou dizendo que isto nos leva a ensaios destas coisas como um tratamento potencial".


O COVID deve ser considerado uma condição crônica, dado que a maioria destes pacientes continua a sofrer sintomas durante meses a fio, disse o Dr. Ravindra Ganesh, diretor médico da Clínica de Cuidados Pós-COVID-19 da Clínica Mayo em Rochester, Minn.


"A maioria de nossos pacientes tem sintomas nos últimos seis meses, e alguns continuam a desenvolver ME/CFS (encefalomielite miálgica/síndrome de fadiga crônica), que pode durar uma vida inteira", disse Ganesh.


No entanto, Ganesh acrescentou que "com base no que vemos em nossos pacientes, na maioria, os sintomas acabam desaparecendo".


Apesar de concordar que a inflamação permanece elevada em pacientes com COVID, Ganesh não está certo de que prescrever anti-inflamatórios a longo prazo seja o caminho certo a ser seguido.


"Este é um pensamento que temos explorado, mas os anti-inflamatórios têm seus próprios riscos, incluindo o de infecções secundárias", disse Ganesh.


"Em uma meta-análise publicada recentemente, que incluiu sete estudos com um total de 2.214 pacientes, pacientes que não necessitavam de oxigênio, mas que receberam esteróides, tinham maiores chances de progredir para doenças graves e morte. Eles também tiveram duração prolongada da febre, tempo mais longo para a depuração viral e aumento do tempo de internação", disse ele.


"Se esta COVID é desconhecida neste momento, mas seria uma conversa de risco/benefício bastante difícil", concluiu Ganesh.


Mais informações

FONTES: Arch Mainous, PhD, vice-presidente, pesquisa, University of Florida Department of Community Health and Family Medicine; Ravindra Ganesh, MBBS, MD, diretor médico, Mayo Clinic's Post-COVID-19 Care Clinic; Frontiers in Medicine, 12 de maio de 2022

Encontre seus produtos para saúde e receba em todo Brasil.
Lembrou de alguém? Compartilhe!
  • Válvula de fala Shiley - 1 un - Medtronic

    Por: R$ 173,00

    Comprar
  • Incentivador Inspiratório Coach 2 4000mL - Smiths Medical

    Por: R$ 107,14

    Comprar
  • Filtro Respiratório HME Youmidity Adulto 40 unidades - Scav Medical

    Por: R$ 785,71

    Comprar
  • Máscara de Proteção lavável - 3 un. Mash - Cinza Mescla Claro

    Por: R$ 25,31

    Comprar
  • Máscara de Proteção lavável - 6 un. Mash - Cinza Mescla Escuro

    Por: R$ 47,50

    Comprar