Curativo Convatec Duoderm Cgf Com Borda Triangular 10X13cm 5un

Código: 1197981

Curativo composto por uma camada interna que contém 3 hidrocoloides (gelatina, pectina e carboximetilcelulose) e polímeros elastoméricos para controle da formação do gel. A espuma de poliuretano auxilia no controle do exsudato e oferece conforto, e a borda adesiva dispensa o uso de fitas adicionais. Possui uma camada externa de poliuretano que oferece barreira para bactérias, vírus e outras contaminações externas.


Por: R$ 405,96*
Em até 12x de R$ 35,18 Ver Parcelas

Venda permitida para:


Saiba Mais


DuoDERM CGF com Borda, com fórmula de gel controlada, interage com o exsudato da ferida formando um gel macio que permite retirar o curativo com pouco ou nenhum dano aos tecidos recém-formados. DuoDERM CGF com Borda contribui para proteger as feridas de contaminação bacteriana e de outras contaminações externas. Esse curativo possui uma borda adesiva que dispensa o uso de fitas adesivas adicionais. DuoDERM CGF com Borda é composto de gelatina, pectina, carboximetilcelulose sódica, poliisobutileno, borracha butílica, borracha de estireno-isopreno-estireno, metileno 3,5-di-tert- butil-4-hidroxihidrocinamato, éster de pentaeritritol, óleo mineral e poliuretano.


INDICAÇÕES


  • Úlceras de pele, incluindo feridas de profundidade total:

- Tratamento de úlceras por pressão, estágios I a IV

- Tratamento de úlceras de perna

  • Feridas Superficiais – por exemplo: abrasões
  • Queimaduras de segundo grau
  • Áreas doadoras de pele


CONTRAINDICAÇÕES


Uso em pacientes com conhecida sensibilidade ao curativo ou a algum de seus componentes.


PRECAUÇÕES E OBSERVAÇÕES


Os curativos DuoDERM CGF com Borda não são recomendados para uso em queimaduras de terceiro grau. Ao utilizar-se em úlceras de pele:

1) A utilização inicial desse produto deve ser feita sob a supervisão de um profissional da saúde;

2) DuoDERM® CGF® com Borda destina-se somente ao tratamento local da ferida. No caso de úlceras por pressão, outras medidas devem ser tomadas, como mudança de posição do paciente e suporte nutricional. No tratamento de úlceras de perna em pacientes com insuficiência vascular (arterial ou venosa) a falta de repouso adequado pode agravar o edema local e retardar a cicatrização;

3) Aumento na extensão das feridas: debaixo de uma úlcera de pele aparentemente superficial pode haver dano tissular profundo. Quando se utiliza um curativo oclusivo na presença de material necrótico a ferida pode aumentar em extensão e profundidade durante a fase inicial do tratamento pela eliminação de restos necróticos. As úlceras de perna resultantes de vasculite podem se deteriorar rapidamente durante a exacerbação da enfermidade subjacente.


Odor: As feridas particularmente grandes ou necróticas são frequentemente acompanhadas de um odor desagradável; contudo, isto não é necessariamente um sinal indicativo de infecção. O odor deverá desaparecer ao se limpar a ferida (vide infecção).


Infecção: Caso apareçam sinais clínicos de infecção, como odor atípico ou alteração na cor do exsudato, febre ou celulite (sensibilidade ao toque e eritema na área da ferida), deverá ser colhida amostra da ferida para cultura bacteriana. Confirmando-se a presença de infecção, deve- se iniciar tratamento médico adequado. O uso do curativo DuoDERM CGF com Borda pode ter continuidade durante este tratamento, sob supervisão médica.


Granulação: A utilização de curativos oclusivos pode provocar desenvolvimento de tecido de granulação em excesso em algumas feridas.


INSTRUÇÕES DE USO


Preparação e Limpeza da Ferida


Os curativos DuoDERM CGF com Borda são estéreis e devem, portanto, ser manipulados de forma apropriada. Selecionar um curativo que ultrapasse a borda da ferida em pelo menos 3 cm. Limpar a ferida de acordo com os procedimentos convencionais. Irrigar com solução salina e secar a pele adjacente para eliminar qualquer substância gordurosa. O uso do curativo favorece a liquefação e eliminação do tecido necrótico; contudo, escaras particularmente espessas ou aderidas às bordas da ferida devem ser removidas antes da aplicação do curativo.

NOTA: DuoDERM Pasta pode ser usado com este curativo. Veja as instruções de uso de cada produto.


Aplicação do Curativo


1) Remova apenas o papel protetor superior do lado de trás do curativo.


NOTA: O curativo triangular pode ser aplicado em diversas direções dependendo do local da úlcera. Em úlceras da região sacral, o curativo pode ser dobrado longitudinalmente pela metade para facilitar a aplicação nas dobras da região sacral. 


2) Aplicar o curativo sobre a ferida. Alise-o sobre o local, especialmente nas bordas da parte adesiva central. 3) Retire o papel protetor da borda adesiva; pressione as bordas no lugar.


Remoção do Curativo


1) Pressionar a pele adjacente e levantar cuidadosamente um dos lados do curativo. Continuar levantando em volta até que todas as bordas estejam livres. Repetir o procedimento de limpeza. Não é necessário remover todo o resíduo de curativo que permanecer na pele adjacente. O curativo DuoDERM CGF com Borda pode permanecer aplicado até no máximo 7 dias desde que não haja incômodo, vazamento de exsudato ou sinais clínicos de infecção.


CUIDADOS DE CONSERVAÇÃO


Armazenar entre 10 e 25º C. Conservar em local seco e evitar umidade elevada.


Não utilizar caso a embalagem tenha sido previamente aberta ou violada.


O FABRICANTE RECOMENDA O USO ÚNICO.


Processo de Esterilização: Radiação Gama



Especificações


As imagens são meramente ilustrativas.